Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
6
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Eduardo Cintra Torres

"A mulher é como a piscina..."

"...tem muita manutenção": as letras marotas de Quim Barreiros e a música pimba finalmente no seu contexto social em programa de Bruno Nogueira.

Eduardo Cintra Torres 11 de Setembro de 2015 às 00:30
1 - Em ‘Som de Cristal’ (SIC), Bruno Nogueira conversa com cantores pimba e acompanha-os em espectáculos. Numa mistura de documentário e entretenimento, dá a conhecer a realidade social desta música popular, dos seus criadores e do seu público. Excelente.

2 - A música pimba saiu da clandestinidade há 20 anos e conquistou os media. Domina os palcos populares. É um fenómeno interessante, a que os estudiosos da sociedade não deveriam ficar alheios. ‘Som de Cristal’ fornece-lhes material de qualidade.

3 - Manuel Serrão, comentador da bola, publicitou um restaurante num programa da TVI24, durante uns cinco minutos. A TVI não o indicou como patrocínio ou apoio à produção. A selvajaria da publicidade não assinalada não tem no País reguladores à altura.

4 - Mentira, mitificação e ignorância sem vergonha: a TVI disse no jornal das 19h58 que Garcia Pereira teve "um papel fundamental na resistência antifascista". E acrescentou que ele lutou "durante a ditadura militar" (1926-33), 30 anos antes de nascer.

5 - Francisco Louçã, ex-líder do BE, fundamenta as opiniões com factos e com clareza. Ajuda ser professor e experiente nos media, mas revela ‘trabalho de casa’. No meio do blá blá do ‘comentatório’ televisivo, superficial e cansativo, distingue-se.

6 - Os políticos já iam às feiras antes dos infindáveis programas diurnos dos canais generalistas. Agora, a TV já lá vai para ‘ouvir o povo’. Victor Moura-Pinto (TVI) faz umas reportagens ‘engraçudas’ e demagógicas nas feiras, enviesando o que lhe dizem.


Calado 
Setembro: a RTP1 repete programas em horário nobre e prepara uma grelha muito semelhante à que levou à queda da anterior administração: populista e arrastando-se atrás das dos privados. Os administradores metem-se na área da Direcção de Programas. O Conselho Geral Independente da RTP, tão activo a empurrar (e bem) a anterior administração para a rua, permanece calado.

Liberdades
Inúmeros políticos PS e comentadores ‘independentes’ pressionam para não se falar do caso Sócrates, nem mesmo na dimensão política, o que prefigura uma campanha para intimidar a liberdade de expressão. Os falsos democratas querem calar a opinião e até o próprio Sócrates, pois de cada vez que este falar prejudicará Costa. Sócrates é um inimigo da liberdade de imprensa, mas tem direito à palavra.
Ver comentários