Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
2
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Eduardo Dâmaso

De Sócrates a Pilatos

Sócrates vem lavar as mãos como Pilatos sobre a Caixa.

Eduardo Dâmaso(eduardodamaso@sabado.cofina.pt) 21 de Junho de 2016 às 00:30
Sócrates vem lavar as mãos como Pilatos sobre a Caixa. Diz que nunca deu "sugestões" ou "orientações" sobre crédito na CGD. É um brincalhão este ex-primeiro-ministro que levou o país à bancarrota. Como se fosse preciso atravessar a assinatura ou a palavra num banco onde tinha Vara e Santos Ferreira.

E numa época de maioria absoluta em que um espirro seu valia mais do que um contrato ou decreto.

Os males da CGD, de resto, têm origem nessa arte indemonstrável do favor sussurrado, que só se prova depois pelo desastre para as contas públicas e pela paternidade sem rasto das malfeitorias. E essa é uma arte que atravessa todo o centrão.
Sócrates Pilatos CGD
Ver comentários