Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
8
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Joana Amaral Dias

Planeta dos Homens

O princípio do século XXI trouxe consigo o retorno do Planeta dos Macacos (em 2001, pelo mão de Tim Burton).

Joana Amaral Dias 23 de Julho de 2017 às 00:30

De facto, a humanidade parece muito preocupada em descobrir o que a a distingue dos outros seres na Terra e, até, dos mais semelhantes, como os macacos. Não é a racionalidade porque animais como os chimpanzés correlacionam meios com fins e também apreendem categorias com existência ou não existência, pluralidade, causalidade.

Também não são os afectos pois um chimpanzé experimenta ansiedade, angustia, luto e nostalgia/melancolia. Aliás, tem mesmo sonhos e desejos, esperança e arrependimento. Vive o dasein de Heidegger e o devir grego. Os macacos pensam, sentem, optam, reflectem. Parece que sobra a violência. Realmente, comportamentos comportamentos como genocídios ou as violações não se verificam entre os macacos. Por isso mesmo, o planeta é dos homens.

Joana Amaral Dias opinião
Ver comentários