Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

José Carlos Martins

Novas greves

Os enfermeiros constituem um recurso à disposição dos cidadãos com vista a intervir nos seus projetos de saúde.

José Carlos Martins 17 de Setembro de 2015 às 00:30
Os enfermeiros constituem um recurso à disposição dos cidadãos com vista a intervir nos seus projetos de saúde, ao longo da vida, incluindo nas situações de doença aguda e crónica.

Quando os cidadãos necessitam da intervenção dos enfermeiros e não os há, ficam ‘chateados’. E bem. Ora, isto acontece nos dias de greve, nos serviços onde não têm que assegurar serviços mínimos, mas também acontece, a milhares de cidadãos, ao longo dos 365 dias do ano!

Todos os cidadãos têm? Sabem quem é o seu Enfermeiro de referência? De Família? Nos serviços hospitalares há enfermeiros suficientes? Não, porque o Governo/Ministério da Saúde não os admite.

A generalidade dos cidadãos, em algum momento da sua vida, já terá lutado, de alguma forma, pela melhoria das suas condições de trabalho e de vida. Perante a profunda degradação das condições salariais, profissionais e de trabalho que este Governo tem imposto aos enfermeiros, e, face à ausência de soluções, "empurra-os" para novas greves. É uma questão de dignidade.
Ver comentários