Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Leonardo Ralha

As águas do lago

A dialética não se aplicará de forma tão categórica às águas turvas.

Leonardo Ralha 6 de Julho de 2016 às 01:45
O grego Heraclito não gelou os portugueses, pois morreu milhares de anos antes da final do Euro 2004. Em troca, deixou um ensinamento mais profundo do que o 4x4x2 e o 4x3x3: ninguém pode entrar duas vezes no mesmo rio, pois não só não irá encontrar as mesmas águas como já não será o mesmo que nelas entrou.

A dialética não se aplicará de forma tão categórica às águas turvas do lago de Lyon, ao qual só evaporação e chuva trazem mudança, mas se hoje fizer um passeio matinal Cristiano Ronaldo não será o mesmo que atirou o microfone.

Era o capitão de uma seleção que corria o risco de ficar pela fase de grupos e ele próprio falhara um penálti. Agora está a um jogo da final e a dois da glória que um grego nada dado a filosofias lhe tirou há 12 anos.
Heraclito Lyon Cristiano Ronaldo futebol Euro 2016
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)