Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
7
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Manuel Queiroz

O poder suave

Biden não é propriamente alguém que desate paixões.

Manuel Queiroz 4 de Novembro de 2020 às 00:30
Há quem diga que o mundo devia poder votar na eleição do Presidente dos EUA, tal o poder do ocupante da Casa Branca. Neste caso, com uma pandemia a seguir a uma crise económico-financeira, se calhar ainda seria mais justificado. Com todos os seus defeitos, um mundo com a marca dos valores americanos é, pelo menos para nós do ocidente, mais fácil de ler e de adaptar do que se for com valores chineses.

O que está em causa é ...

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso à edição digital e a todos os conteúdos exclusivos do site no pc, tablet e smarphone
Assine já 1 mês/1€
Para ler este e todos os EXCLUSIVOS DE HOJE no site 1€ (IVA incluído)
UTILIZE O
Casa Branca Trump EUA Biden política questões sociais eleições governo (sistema) chefes de estado
Ver comentários