Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
2
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Octávio Ribeiro

A lição do vírus

A partir desta tragédia, com vidas perdidas para a doença e muitas mais para a crise económica, é fundamental que estejamos melhor preparados.

Octávio Ribeiro(octavioribeiro@cmjornal.pt) 18 de Abril de 2020 às 00:32
Quando ontem o hino tocou nos hospitais, face a face estavam agentes de dois grandes pilares do Estado. Saúde e Segurança, como Educação, Justiça e Defesa são áreas onde um Estado que preza os seus não deve poupar em excesso. Gerir bem, sim, mas com folga de meios e retenção de talentos que previnam tempestades. Esta deveria ser a maior lição desta crise.

A globalização instalada continuará a trazer cíclicos momentos de aflição coletiva, com novas doenças a galopar meridianos como cavalos do apocalipse. A partir desta tragédia, com vidas perdidas para a doença e muitas mais para a crise económica, é fundamental que estejamos melhor preparados.

Não podemos voltar a ser tolhidos pelo medo de morrer, a ponto de deixarmos de viver. Na metáfora bélica tão comum, que guerra se vence quando nos fechamos em casa, enquanto o inimigo ocupa campos e cidades, escolas, empresas, tribunais e prisões?

Na próxima crise, temos o dever de estar preparados. Cabe a cada cidadão exigir mais à memória coletiva.
questões sociais Segurança Justiça Estado Defesa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)