Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
8
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Octávio Ribeiro

Futebol de cadeirinha

Só Ronaldo mostrou a sede necessária às vitórias.

Octávio Ribeiro(octavioribeiro@cmjornal.pt) 19 de Junho de 2017 às 00:44
Já ninguém se lembra de como Portugal venceu o Europeu? A jogar feio, sem espetáculo, mas com sede de conquista. A sede que não se viu neste primeiro jogo.

Há longos anos, a Seleção é Ronaldo e mais dez. Ontem, foi Ronaldo contra onze. Só Quaresma, no lance do seu golo, e Cédric, durante todo o tempo, mostraram génio e garra merecedores de acompanhar o melhor do Mundo.

Os outros jogaram sentados em cadeirinhas, sempre antecipados por uma teia mexicana que merecia ter arrancado a vitória. Até Rui Patrício se afundou na poltrona de onde não saiu para cortar um canto lento que deu o empate final.

Nesta fase da carreira, Ronaldo já não dá para contra-ataques solitários. Precisa de companhia na frente.
Octávio Ribeiro opinião
Ver comentários