Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
5
6 de Maio de 2012 às 01:00

Na SIC Notícias houve mesmo uma clara ‘overdose’ dessa mistura entre pregador laico e Octávio Machado sofisticado que é Rui Santos ("vocês sabem do que é que eu estou a falar!"), que esteve mais de três horas e meia no ar (normalmente, a sua missa noturna dominical é apenas de uma hora). Três horas e meia! Deu a sensação de a SIC Notícias não ter encontrado mais ninguém disponível para a função num domingo à noite e ter-se conformado em submeter os seus telespectadores a uma dose cavalar de Rui Santos, algo que é manifestamente desaconselhável em termos de saúde pública. Não admira, perante exemplos destes, que haja portugueses que escolham passar quatro horas na caixa de um Pingo Doce. ‘Mutatis mutandis’…

Coluna segundo as regrasdo Acordo Ortográfico

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)