Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

António Costa admite renovar o Estado de Emergência até dia 17 de maio

Esta é a data limite imposta pelo Governo, avança o Jornal Económico.
Correio da Manhã 9 de Abril de 2020 às 14:37
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa
António Costa

O primeiro-ministro, António Costa, admite vir a renovar por mais duas vezes o estado de emergência, ou seja, até ao dia 17 de maio, avança o Jornal Económico.

Caso esta decisão seja tomada, cuja hipótese foi colocada durante a reunião com os líderes dos partidos políticos, os portugueses continuarão a ser sujeitados a medidas de contenção.

O mesmo jornal adianta que esta é a data limite e viável para o Governo renovar o estado de emergência, uma vez que prolongado por mais semanas, poderá ter consequências catastróficas para a economia.




Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)