Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

ONU homenageia hoje Jorge Sampaio pelo seu papel no apoio a refugiados no ensino superior

Portugal procura dar continuidade à ideia lançada pelo ex-Presidente de criar um mecanismo de resposta rápida para situações de emergência no ensino superior.
Lusa 6 de Dezembro de 2021 às 07:16
Ex-Presidente da República Jorge Sampaio
Ex-Presidente da República Jorge Sampaio FOTO: LUSA / MANUEL DE ALMEIDA
As Nações Unidas homenageiam esta segunda-feira Jorge Sampaio, numa cerimónia em que Portugal procura dar continuidade à ideia lançada pelo ex-Presidente português de criar um mecanismo de resposta rápida para situações de emergência no ensino superior.

A cerimónia, organizada pela Aliança das Civilizações, de que Sampaio foi o primeiro alto representante, e pela missão portuguesa na ONU, é "assumida por todos os países das Nações Unidas pela relevância das funções" que Jorge Sampaio exerceu na organização e pelos resultados do seu trabalho no âmbito das Nações Unidas", disse à agência Lusa o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, em declarações por telefone desde Nova Iorque.

Intitulada "Solidariedade não é facultativa, é um dever" -- uma frase que Jorge Sampaio escreveu no seu último artigo -, a cerimónia conta com intervenções do secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, do atual alto representante da Aliança das Civilizações e do ministro português.

Ver comentários