Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Porto critica "visão colonialista" da TAP

De acordo com as contas do município do Porto, o plano de voos da TAP na pós-pandemia, no Aeroporto Sá Carneiro representa "0,04% do que era em 2019".
Manuel Jorge Bento 29 de Maio de 2020 às 15:06
Rui Moreira
Rui Moreira FOTO: Paulo Duarte/Jornal de Negócios

A Câmara do Porto considera que o plano de voos da TAP para o Aeroporto Francisco Sá Carneiro demonstra a "visão colonista e quase exclusivamente turística" da transportadora aérea nacional.

A autarquia liderada pelo independente Rui Moreira recorda o comunicado da TAP, emitido na quarta-feira, onde a empresa garante que vai "adicionar e ajustar os planos de rota anunciados", em colaboração "com todos os agentes económicos, nomeadamente associações empresariais  e entidades regionais de turismo".

Em comunicado, a Câmara do Porto refere que a "visão meramente turística da TAP na relação com o aeroporto do Porto é a prova de que a companhia apenas tinha aumentado a sua operação no Francisco Sá carneiro, nos últimos anos, por razões meramente oportunistas e não por vontade estratégica ou por querer assumir um papel de verdadeira companhia aérea de bandeira, capaz de assegurar ligações estratégicas para o equilíbrio económico nacional e a mobilidade de todos os portugueses".

"Não é aceitável que [a TAP] invoque interesse público e procure, assim, a subsidiação por parte do estado Português para uma operação que tem de ser sustentável e que diz ser rentável a partir de Lisboa. Qualquer tentativa de subverter este argumento só pode ser de facto apelidada de provinciana", refere a autarquia.

Mais indica a autarquia que "à TAP exige-se que retome a operação, pelo menos, na mesma medida e proporção que operava anteriormente". E de acordo com as contas do município do Porto, o plano de voos da TAP na pós-pandemia, no Aeroporto Sá Carneiro representa "0,04% do que era em 2019".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)