Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

Presidente da Mesa do Chega "preparado para vários dias" em Évora até ser aprovada "lista do André"

Luís Graça deixou este alerta perante os poucos delegados que ainda permaneceram na sala.
Lusa 20 de Setembro de 2020 às 19:21
Luís Graça
Luís Graça FOTO: Vítor Mota
O presidente da mesa da Convenção Nacional do Chega, Luís Graça, disse este domingo aos participantes na iniciativa que está "preparado para estar vários dias" em Évora a aguardar a aprovação de lista do presidente do partido.

"Estou preparado para estar aqui vários dias até aprovarmos a lista do André", afirmou o mesmo responsável, em cima do palco, ao microfone, na II Convenção Nacional do Chega.

Luís Graça deixou este alerta perante os poucos delegados que ainda permaneceram na sala depois de a proposta de lista para a direção nacional do presidente do partido ter sido chumbada pela segunda vez.

Após a votação, a maioria dos delegados "rumou" ao exterior do espaço para, em pequenos grupos, comentar o resultado da votação, com alguns participantes de ânimo mais inflamado por não haver lista aprovada.

O líder do partido, André Ventura, visivelmente emocionado quando subiu ao palco após o novo "chumbo", abandonou o espaço para preparar, pela 3.ª vez, uma lista para a direção nacional, que será submetida ainda hoje a votação dos delegados da II Convenção Nacional do partido.

"Eu pedirei ao presidente da Mesa que suspenda novamente os trabalhos e apresentarei uma nova lista", anunciou o deputado único e candidato presidencial, depois de muita insistência da plateia, que o interrompeu diversas vezes com gritos pelo seu nome e pedidos para que não abdicasse da liderança do partido.

"Ventura vai em frente, tens aqui a tua gente", ouviu-se na tenda que alberga o evento, com o líder em cima do palco, onde o foi abraçar o presidente da Mesa da Convenção.

André Ventura foi reeleito em diretas há escassas duas semanas com 99% dos votos dos militantes.

A proposta de lista para a direção nacional do presidente do Chega foi chumbada pela segunda vez, já que 219 delegados deram o "sim" e 121 o "não", segundo os resultados proclamados pela Mesa da reunião magna, que desta vez não revelou o número total de votantes.

Assim sendo, a lista ficou aquém dos dois terços necessários previstos nos estatutos.

Ainda antes do almoço, votaram 378 delegados do total de 510 inscritos, com 183 a apoiarem o rol de nomes apresentado por Ventura, mas 193 rejeitaram a lista para a direção nacional. Houve ainda um voto branco e um nulo.

Évora André Ventura Luís Graça Mesa política lista Convenção partidos
Ver comentários