Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

PSD lembra que "todo o cuidado é pouco" na decisão sobre reabertura de escolas perante pandemia

Declarações foram proferidas no final da reunião técnica sobre a "Situação epidemiológica da covid-19 em Portugal".
Lusa 7 de Abril de 2020 às 15:28
David Justino, PSD
David Justino, PSD FOTO: Nuno Fonseca
O vice-presidente do PSD David Justino defendeu esta terça-feira que "todo o cuidado é pouco" na ponderação sobre uma eventual reabertura das escolas devido à pandemia, considerando que "ainda é cedo" para se definir uma data concreta.

Em declarações aos jornalistas no final da terceira reunião técnica sobre a "Situação epidemiológica da covid-19 em Portugal", no Infarmed, em Lisboa, o antigo ministro da Educação chamou a atenção para a idade elevada de grande parte do corpo docente e pediu "cuidado" ao Governo, na véspera de uma reunião entre os partidos e o primeiro-ministro sobre a possibilidade de reabrir escolas neste ano letivo.

"Nós entendemos que ainda é um pouco cedo para saber se vai ser numa data A ou numa data B, a escola envolve não só grupos de pequeno risco, como sejam os mais jovens, mas envolve grupos de alto risco, como sejam os professores ou os funcionários", apontou, alertando que "metade do corpo docente que está no sistema educativo tem pelo menos 50 anos".

Segundo David Justino, a posição que o PSD transmitirá na quarta-feira a António Costa será "a de algum cuidado" e de avaliação de como se podem "mitigar os impactos negativos" que a reabertura das escolas pode ter.

"Nós entendemos que todo o cuidado é pouco, não vale a pena antever com um mês de antecedência coisas que não sabemos como vão desenvolver-se", salientou, defendendo "uma atitude responsável e medidas que sejam progressivas, bem ponderadas e bem estudadas nos seus impactos".

PSD David Justino política educação partidos e movimentos ensino coronavírus pandemia cvodi19
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)