Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

PSD recorda Laura Ferreira como figura muito acarinhada e que deixa saudades

Mulher de Pedro Passos Coelho morreu esta terça-feira.
Lusa 25 de Fevereiro de 2020 às 12:11
Pedro Passos Coelho e Laura Ferreira
Pedro Passos Coelho e Laura Ferreira FOTO: João Miguel Rodrigues
O PSD disse esta terça-feira ter recebido "com grande consternação" a notícia da morte de Laura Ferreira, mulher do ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho, salientando que era uma "figura muito acarinhada" e que "deixa saudades".

"Foi com grande consternação que o Partido Social Democrata recebeu a notícia do falecimento de Laura Ferreira, mulher de Pedro Passos Coelho, ex-primeiro-ministro e ex-presidente do PSD", refere uma nota publicada no 'site' do partido.

No texto, o PSD assinala que Laura Ferreira, que morreu em Lisboa durante a noite, era uma "figura muito acarinhada por toda a família social-democrata", e "deixa saudades nos que com ela conviveram ao longo dos anos".

A nota indica igualmente que o presidente do PSD, Rui Rio, "expressa a Pedro Passos Coelho e à restante família o seu mais sentido pesar nesta hora".

A mulher do ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho, Laura Ferreira, morreu hoje vítima de doença prolongada, confirmou à agência Lusa fonte oficial do PSD.

"É verdade, foi durante a noite", indicou a mesma fonte.

Laura Ferreira, de 54 anos, estava internada no Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa, onde morreu.

Através da sua página na rede social Twitter, o presidente do PSD deixou uma "palavra de pesar pelo falecimento de Laura Ferreira" a "toda a sua família e amigos".

"Ao Pedro Passos Coelho, o meu abraço solidário e a minha homenagem pela forma dedicada, solidária e amiga como sempre a acompanhou", acrescenta Rui Rio, que lhe sucedeu na liderança do partido.

Também o eurodeputado do PSD Paulo Rangel usou a rede social Twitter para deixar "uma palavra de pesar pelo falecimento de Laura Ferreira".

Na ótica do social-democrata, Laura Ferreira "primou, na sociedade, pela empatia humana", bem como "pela mais presente das discrições".

Apontando estar "longe, em missão parlamentar", o deputado ao Parlamento Europeu deixou igualmente "todo o conforto a Pedro Passos Coelho" e "um tributo ao seu amor - ao amor deles - que comove e inspira".

Laura Ferreira PSD Pedro Passos Coelho questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)