Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

Sintra: O 2.º concelho-chave das eleições Legislativas 2022

Concelhos-chave são concelhos onde é expectável que haja um elevado número de votantes e onde, nas últimas eleições, houve mudanças significativas na intenção de voto.
Francisco Penim 27 de Janeiro de 2022 às 14:00
A carregar o vídeo ...
Concelho-Chave: Sintra
Sintra é o 2º concelho-chave das eleições Legislativas 2022, o 2º com mais população residente no País e o 2º mais apetecível para todos os partidos com assento parlamentar. Pertence ao distrito de Lisboa, o círculo eleitoral onde se elegem mais deputados (48), e aquele que concentra mais concelhos-chave (são quatro incluindo os de Oeiras, Cascais e Lisboa).

Nas últimas eleições Legislativas, em 2019, e de todos os concelhos-chave destas eleições foi onde se notou mais a diferença entre o partido vencedor no concelho, o PS, e o segundo classificado, o PSD: 33 000 votos. Só esta diferença foi superior ao número total dos votantes no partido de Rui Rio no concelho. No total, em 2009, votaram aqui 167 515 eleitores (o 2º concelho do País onde mais pessoas exerceram o seu direito). No mesmo ano, Sintra representou 15,21% de todos os votantes no distrito de Lisboa.

Este é um concelho-chave cujo voto à esquerda, em eleições Legislativas, tem dominado (desde o 25 de Abril, houve dez vitórias da esquerda contra cinco da direita), mas que demonstra um comportamento bem distinto em Autárquicas (desde o 25 de Abril, houve sete vitórias da direita contra seis da esquerda). No entanto, a atual batalha eleitoral de 2022 joga-se no combate à abstenção. De todos os concelhos-chave deste ano, Sintra foi o que, nas Legislativas de 2019, teve a taxa de abstenção mais alta: 47,48%. No mesmo ano, de todos os concelhos do País, o de Sintra foi onde o Chega registou o seu maior número de votos e o 2º com uma votação mais relevante para o PS, PCP-PEV, PAN e Livre.

Finalmente, nas últimas oito eleições Legislativas, desde 1995, o concelho de Sintra votou por seis vezes no partido convidado a formar Governo.
PS Sintra Oeiras País Lisboa Cascais Legislativas política eleições eleições nacionais
Ver comentários