Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

Um ano depois, Rui Rio faz novo KO a Montenegro e vence eleições no PSD

Ex-autarca do Porto reeleito presidente do PSD com cerca de 53% dos votos e deixando o rival a seis pontos.
Diana Ramos 19 de Janeiro de 2020 às 01:30
'PSD não está partido': Rui Rio discursa após vitória nas eleições
Luís Montenegro no discurso de derrota
'PSD não está partido': Rui Rio discursa após vitória nas eleições
Luís Montenegro no discurso de derrota
'PSD não está partido': Rui Rio discursa após vitória nas eleições
Luís Montenegro no discurso de derrota
Não foi uma vitória demolidora mas suficientemente folgada para Rui Rio ser reeleito presidente do PSD. Exatamente um ano depois de Luís Montenegro ter desafiado Rio a marcar eleições e perdido o conselho nacional, o ex-autarca do Porto voltou a derrotar o rival deixando o antigo líder parlamentar a cerca de seis pontos de diferença, alcançado cerca de 53% dos votos dos militantes.

Luís Montenegro até conseguiu segurar as distritais de Braga e de Lisboa, mas foi no Porto, Aveiro e Vila Real que Rui Rio ganhou fôlego. Só na distrital do Porto a margem entre os dois candidatos passou os 1700 votos, pelo que nem a folga de quase 1200 votos de Montenegro sobre Rio em Lisboa – distrital que Miguel Pinto Luz ganhou na primeira volta – foi suficiente para dar esperança ao antigo líder parlamentar. 


Rui Rio, que usou o ‘7’ de Ronaldo para elencar o discurso de consagração e sublinhou o maior número de militantes a votar: mais 1670 do que na primeira volta. "Não prometi nada a ninguém em troca de votos. Aqueles 1670 que vieram a mais não tiveram nada em troca."

"Não vale a pena anunciarem a minha morte política porque isso é manifestamente exagerado", garantiu Luís Montenegro no discurso de derrota. O ex-líder parlamentar desejou que Rio ultrapasse com êxito os próximos combates eleitorais, as Regionais dos Açores e as Autárquicas de 2021. Depois, pediu a "Rui Rio e à nova direção que saibam interpretar os resultados eleitorais que o PSD teve no último ano e o que resulta da avaliação dos militantes".

O ex-líder parlamentar frisou ainda que "é importante que o PSD tenha paz e unidade" e lembrou que "todos têm de contribuir para acabar com a cultura de fação, divisões insustentáveis e agressividades intoleráveis", esperando que "Rui Rio possa devolver a estabilidade ao PSD". Nas redes sociais, Miguel Pinto Luz – que ficou pela primeira volta – prometeu "lealdade" e lembrou que "o PSD precisa de voltar a ser uma opção credível".

Madeira avança com boicote e fecha sedes à votação
Os votos da Madeira na primeira volta foram considerados nulos pelo conselho de jurisdição, por discrepâncias nos cadernos eleitorais. Este sábado, a estrutura regional decidiu avançar com o boicote e não abriu as sedes para a segunda volta, considerando que isso seria uma "humilhação" para os militantes.

Confiança e pedido de unidade
Os dois candidatos à liderança do PSD garantiram ontem ter confiança num bom resultado, quando votaram nas respetivas secções de voto. No Porto, Rio garantiu não ter discurso pronto, mas estar a preparar "dois cenários". Em Espinho, Luís Montenegro optou por tecer críticas à divisão interna e assumir que quer "construir unidade" no partido.

Rio evitou responder ao rival e não comentou uma aparente redução de votantes. "Uns podem pensar que está ganho, outros podem pensar que está perdido, e uns desmobilizam por uma maneira, outros por outra... não sei." Montenegro lamentou o facto de o processo ter ficado "manchado por haver militantes impedidos de exercerem o voto".

CTT dão problemas no distrito da Guarda
Militantes de Seia, Pinhel e Celorico da Beira, no distrito da Guarda, que pagaram quotas por vale postal não conseguiram participar no ato eleitoral. A direção alegou atrasos nos CTT.

Pedida impugnação
A candidatura de Montenegro pediu a impugnação em três secções de Portalegre.

Urnas fechadas
As urnas em Alter do Chão, Ponte de Sor e Gavião estavam encerradas pelas 16h00.

Noite rápida
Rui Rio chegou ao hotel no Porto pelas 20h, convicto de que seria uma noite rápida.

Entrada pela garagem
Luís Montenegro chegou pelas 19h ao hotel, mas voltou a entrar pela garagem.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)