Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Aplicação móvel ajuda a planear deslocações no Porto

Projeto tem parceria com CP, Táxis Invicta, STCP e Metro do Porto.
Patrícia Lima Leitão 19 de Outubro de 2018 às 08:59
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
Projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e tem em vista facilitar as viagens, não apenas no Grande Porto, mas, também, até Lisboa. Disponibiliza horários, custos e tempo previsto
A Brisa e a Via Verde lançaram, esta quinta-feira, no Porto, a aplicação grátis para telemóveis Via Verde Planner. O projeto pretende mudar a forma como os cidadãos planeiam as deslocações urbanas e facilitar as viagens, não só no Grande Porto, mas também até Lisboa.

Além de disponibilizar horários de transportes, custos intermédios e finais, e o tempo previsto para o percurso, permite solicitar um táxi a partir da app.

"Podemos decidir como vamos, por exemplo, da avenida dos Aliados até à rotunda da Boavista e quais são as melhores opções de transporte, que podem ir desde a STCP ou táxi e até à Cabify", referiu Franco Caruso, porta-voz da Brisa.

A aplicação tem parcerias com a CP, STCP, Carris, Cabify, Metro do Porto, Rede Nacional de Expressos e Táxis Invicta, entre outros. "É uma oferta inclusiva e tem como objetivo tornar tudo mais fácil para fazer a escolha mais racional e adequada em qualquer momento do dia, em qualquer ponto da cidade", indicou.

A aplicação entrou em funcionamento em junho, mas só tinha utilidade para os moradores da Grande Lisboa. Ontem, foi apresentada a oferta de soluções para quem viaja no Grande Porto.

"Se quiser ir até um destino específico em Lisboa, ou de lá para o Porto, pode planear a viagem desde o local em que se encontra até onde quer chegar, incluindo as deslocações a pé", concluiu Franco Caruso.

A aplicação resulta de um investimento privado, com apoio da Câmara do Porto - no contacto com os operadores -, realizado no âmbito de uma aposta que visa desenvolver uma oferta alargada num conjunto de serviços de mobilidade, com a marca Via Verde.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)