Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

25 anos de prisão para homem que matou amante do namorado nas Caldas da Rainha

Crime ocorreu em abril de 2019. Corpo estava debaixo do carro carbonizado da vítima.
José Durão 17 de Julho de 2020 às 10:59
Ricardo Porfírio, de 21 anos, foi encontrado carbonizado
Ricardo Porfírio, de 21 anos, foi encontrado carbonizado FOTO: Direitos Reservados
O Tribunal de Leiria ondenou esta sexta-feira a 25 anos de prisão um homem de 33 anos que matou o amante do namorado nas Caldas da Rainha.

O coletivo de juízes entendeu que a acusação ficou provada, considerando que o arguido "agiu com crueldade e com prazer de causar sofrimento", referiu o juiz presidente na leitura do acórdão.

Além de ter sido condenado a uma pena de prisão de 25 anos, o tribunal também concordou com o pedido de indemnização cível a atribuir aos pais da vítima, no valor de 254.800 euros.

O carro de Ricardo Porfírio, de 21 anos, foi encontrado carbonizado, em abril de 2019, numa zona erma de Vale do Coto, nas Caldas da Rainha, com o corpo do jovem por baixo do mesmo.

A PJ pôs-se no terreno e acabou por deter Vítor, de 31 anos, que tinha sido a última pessoa a contactar com a vítima. O homem, agora condenado, suspeitava que Ricardo se tinha envolvido emocionalmente com o seu namorado.

Depois de ouvido pelo juiz de instrução no Tribunal de Santarém, o suspeito ficou em prisão preventiva. 
Caldas da Rainha Tribunal interesse humano crime violência homicídio
Ver comentários