Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Areia retirada do rio vai encher seis praias no Algarve

Dragagens no canal de navegação para permitir entrada de navios de cruzeiro de maior dimensão.
José Carlos Eusébio 7 de Agosto de 2020 às 09:43
Navios de cruzeiro vão passar a ter disponíveis duas bacias de rotação para fazerem manobras dentro do rio Arade
Navios de cruzeiro vão passar a ter disponíveis duas bacias de rotação para fazerem manobras dentro do rio Arade FOTO: Pedro Noel da Luz
O porto de Portimão vai ser alargado e aprofundado para permitir a entrada de navios de cruzeiro de maior dimensão. A areia retirada do rio será usada para o enchimento de várias praias, nomeadamente as do Molhe e Pintadinho (Lagoa), Armação de Pera (Silves) e Salgados (Albufeira). Está previsto um investimento de 17,5 milhões de euros, por parte da Administração dos Portos de Sines e do Algarve. A avaliação de impacto ambiental está em consulta pública até ao dia 11 do corrente mês.

As dragagens têm como objetivo dotar o canal de navegação de 215 metros de largura (atualmente tem 150), bem como criar uma cota de menos 10 metros (agora é de - 8 metros). Além disso, a bacia de rotação em frente ao cais será alargada de 355 metros para 500, sendo ainda criada uma nova bacia com a mesma dimensão à entrada do rio. O porto poderá passar a receber navios com comprimento até 334 metros.

Serão retirados mais de 4 milhões de m3 de areia e outros sedimentos do fundo do rio. Parte da areia será utilizada em duas praias junto ao porto - Molhe e Pintadinho -, enquanto outra parte irá encher praias mais distantes. Segundo consta da documentação em consulta pública, a Agência Portuguesa do Ambiente considera que deve ser dada prioridade à intervenção nas praias de Armação de Pera e Salgados. Se a quantidade de dragados for suficiente, é admitida a hipótese de serem também reforçadas as praias da Oura e de Santa Eulália.
Ver comentários