Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Bancário suspeito de ter desviado milhões das contas de clientes

António José Matos, de 50 anos, o bancário suspeito, era visto com bons olhos em Carrazeda de Ansiães por muitos clientes, sobretudo idosos.
Patrícia Moura Pinto 7 de Julho de 2020 às 08:50
Suspeitas no Crédito Agrícola
Suspeitas no Crédito Agrícola FOTO: Leandro Coutinho
Um funcionário da Caixa de Crédito Agrícola da Terra Quente, em Carrazeda de Ansiães, é suspeito de ter desviado milhões de euros das contas bancárias de clientes, dinheiro do qual, alegadamente, usufruía em proveito próprio.

António José Matos, de 50 anos, o bancário suspeito, era visto com bons olhos por muitos clientes, sobretudo idosos. O processo está a ser investigado e, Vítor Gonçalves, administrador do banco, disse ao CM que “poderão estar em causa milhões de euros”, recusando revelar o valor desviado. A maioria dos lesados é ex-emigrante, a quem o funcionário prometia uma taxa de juros no dinheiro aplicado em pacotes financeiros. O suspeito é casado com uma ex-vereadora da câmara local. 

Carrazeda de Ansiães Caixa de Crédito Agrícola da Terra Quente autoridades locais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)