Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Burlões perdem 15 mil euros ao fugir sem pagar aposta no Benfica

Grupo de quatro fugiu sem pagar boletins do Placard. Acabaram detidos pela PSP.
João Carlos Rodrigues 28 de Fevereiro de 2020 às 01:30
Apostas do Placard
Jogo Placard
Apostas do Placard
Jogo Placard
Apostas do Placard
Jogo Placard
Quatro jovens alugaram um carro e passaram a tarde de segunda-feira a fazer apostas no jogo Placard sem pagar. Os esquema teria rendido mais de 15 mil euros devido à vitória do Benfica contra o Gil Vicente, mas a PSP apanhou-os após uma perseguição que começou em Loures e acabou em Torres Vedras.

Segundo o CM apurou junto de fontes policiais, o grupo atacou em duas papelarias de Loures. Registaram as apostas – a primeira no valor de 4000 euros, a segunda de 5600 euros –, mas no momento de pagar disseram às funcionárias que pretendiam efetuar o pagamento através de multibanco ou por MB Way, pelo que solicitaram os talões. Assim que tinham o ‘papel’ na mão, saíam a correr e fugiam.

A PSP foi alertada e o grupo foi localizado pouco depois, quando saía de Loures e se dirigia para Torres Vedras, onde decorriam festejos de Carnaval. No carro, que foi apreendido, tinham ainda os seis boletins de apostas e o talão da Santa Casa. Caso tivessem conseguido levantar os prémios teriam lucrado um total de 15 912 euros. Têm entre 20 e 23 anos e antecedentes por crimes semelhantes. Um dos detidos estava até com apresentações semanais e proibido de frequentar estabelecimentos de apostas. No entanto, presentes a tribunal foram libertados e o processo baixou a inquérito.

Desde segunda-feira, as apostas no Placard podem ser bloqueadas em caso de roubo, e só quem registou a aposta pode levantar os prémios, com a identificação a ser feita através do número de contribuinte.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)