Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Condutor sob efeito de álcool e droga mata homem em fuga à PSP

Suspeito de 27 anos tinha 1,73 de álcool e consumiu cocaína.
Paula Gonçalves 5 de Outubro de 2019 às 10:08
Homem foi atropelado mortalmente na avenida Fernão de Magalhães
PSP
PSP costas
Homem foi atropelado mortalmente na avenida Fernão de Magalhães
PSP
PSP costas
Homem foi atropelado mortalmente na avenida Fernão de Magalhães
PSP
PSP costas
Uma fuga aparatosa à PSP de Coimbra acabou na madrugada desta sexta-feira com o condutor, de 27 anos, a atropelar um homem, na Baixa da cidade, deixando-o caído na estrada sem lhe prestar socorro.

A vítima morreu e o suspeito, que apresentou 1,73 de álcool no sangue e acusou um resultado positivo para cocaína, só parou em casa, fora da cidade, onde foi detido, 20 minutos depois.

Tudo começou, segundo a PSP, na rua Pedro Olaio, onde o condutor estava parado. Quando se apercebeu da presença de uma equipa de Intervenção Rápida da PSP. Abandonou o local de forma considerada suspeita pelos agentes.

Os elementos deram-lhe ordem de paragem, descreve um comunicado do comando de Coimbra, mas o condutor não obedeceu. Perante a desobediência, a viatura foi perseguida, sem recurso a sinalização de urgência, na tentativa de o automobilista não se aperceber da presença policial.

Ao longo do percurso, pela Av. Fernão de Magalhães, "foi notória a manutenção de uma condução muito agressiva por parte do condutor em fuga", refere a PSP. A determinada altura, o suspeito terá feito uma travagem brusca, abrandando a marcha que retomou de seguida.

Quando se aproximaram do local, os agentes viram a vítima caída no chão, acionando os meios de socorro. Só conseguiram intercetar o suspeito junto a casa, já fora da cidade.

PORMENORES
Vítima sem identificação
O homem atropelado estava sem documentos, e até ao final da tarde desta sexta-feira ainda não tinha sido identificado, estando a PSP a fazer diligências.

Viatura examinada
O carro, usado na fuga e para atropelar o homem, foi apreendido e rebocado para as instalações policiais para ser submetido a exames periciais.

Aparato alerta
A vítima foi socorrida pelo INEM, mas devido ao embate violento a que foi sujeito morreu no local. O aparato alertou quem trabalha na zona. "Cheguei ao trabalho às 04h00 e vi uma pessoa estendida no chão", conta José Carlos Ferreira, proprietário de uma padaria e pastelaria.
Baixa PSP Coimbra crime lei e justiça polícia questões sociais crime
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)