Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Coronel de Tancos punido por três crimes de abuso de poder

Comandante dos paraquedistas vai pagar multa de três mil euros.
João Nuno Pepino 27 de Fevereiro de 2020 às 08:45
Vasco Alves Pereira
Vasco Alves Pereira FOTO: Duarte Roriz
O coronel de infantaria Vasco Alves Pereira, antigo comandante do Regimento de Paraquedistas de Tancos, foi condenado a uma pena de multa de 3000 euros, por três crimes de abuso de poder.

O Tribunal de Santarém deu esta quarta-feira como provado que o oficial, no exercício das suas funções de comandante do Exército, serviu-se de três motoristas que lhe estavam designados para executar tarefas pessoais, violando os deveres de zelo, honestidade e autoridade.

Entre 2013 e 2016, os militares subalternos foram obrigados a tratar e alimentar os seus cães de caça, lavar os canis na sua residência, cortar e regar a relva do seu jardim, e até ir fazer recados à farmácia ou levantar encomendas, entre outras situações.

Contudo, o coletivo de juízes considerou os crimes de "pequena gravidade", e optou pela aplicação de apenas uma pena de multa. O coronel foi absolvido das duas acusações de peculato de uso que lhe eram imputadas pelo Ministério Público. Uma delas dizia respeito ao uso continuado da viatura do Exército para fins pessoais.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)