Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Descarregamento de droga julgado

Foi na madrugada de 3 para 4 de Março que o desembarque se realizou. Uma lancha largou 41 fardos (1,5 toneladas) de haxixe no Sítio das Gargantas, nos Salgados, entre Faro e Olhão. Mas a PJ estava a vigiar e acabou por apreender a droga.
26 de Novembro de 2008 às 00:30
Arguidos começaram a ser julgados por desembarque feito em Março
Arguidos começaram a ser julgados por desembarque feito em Março FOTO: Carlos Almeida

Na altura, foram detidos três suspeitos – uma mulher e dois homens. Nos meses que se seguiram a Judiciária capturou mais sete pessoas, todas suspeitas de terem participado no desembarque. O Julgamento dos dez detidos começou, ontem, em Faro. Um outro suspeito, já identificado, encontra-se a monte.

Na primeira sessão, quatro arguidos prestaram declarações. O primeiro foi Diego Zurita, espanhol, 60 anos, que alegou apenas ter sido contratado para trazer uma carrinha para Portugal – carrinha que viria a ser também apreendida pela PJ, com a droga no interior. Nada sabia do desembarque, garantiu ao colectivo de juízes.

Seguiu-se Liliana Sabino, a única mulher detida, de 28 anos. Morava na casa que serviu de apoio ao desembarque e onde os fardos de droga foram contados. Também ela alegou que nada sabia sobre o desembarque e que apenas lhe tinham pedido para guardar uns objectos em casa – o pedido terá sido feito por Joaquim Serra, 50 anos, outro dos arguidos.

Joaquim Lopes, 40 anos, admitiu ter ajudado a descarregar os fardos, também a pedido de Joaquim Serra, "porque enfrentava grandes dificuldades financeiras", explicou.

Finalmente, Fábio Rosa, 24 anos, confessou que tinha sido contratado para vigiar as saídas e entradas de barcos da Polícia Marítima na capitania de Faro. Reconheceu ainda saber que se ia realizar o descarregamento.

Hermes Serra (24 anos e filho de Joaquim Serra) e José Amador (da mesma idade) também mostraram vontade em prestar declarações mas só o farão no dia 19 de Dezembro, quando se realiza a próxima sessão do julgamento.

Ver comentários