Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

‘El Solitário’ relata abusos

Jaime Gimenez Arbe, o assaltante de bancos espanhol conhecido como ‘El Solitário’, denunciou ontem em tribunal as agressões de que diz ter sido alvo por dois guardas prisionais, pedindo a identificação dos mesmos.
27 de Fevereiro de 2009 às 00:30
‘El Solitário’ à chegada ao tribunal da rua Pinheiro Chagas, em Lisboa
‘El Solitário’ à chegada ao tribunal da rua Pinheiro Chagas, em Lisboa FOTO: Miguel A. Lopes, Lusa

Julgado em Lisboa por dois crimes de injúrias, cometidos contra guardas da cadeia de Monsanto, ‘El Solitário’ considerou-se 'preso político' e relatou ter sido pontapeado e empurrado por dois guardas.

A advogada, Lígia Borbinha, vai requerer hoje a identificação dos dois guardas. O julgamento prossegue a 6 de Março, com a audição de Marcus Fernandes, homicida de dois agentes da PSP, que testemunhará a favor de Jaime Gimenez.

Ver comentários