Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Expulsa mãe de casa à pancada por herança

Vítima, de 79 anos, sofreu tentativa de estrangulamento, em Sintra.
Miguel Curado 24 de Maio de 2019 às 09:00
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Idosa
Um homem, de 59 anos, foi preso pelo Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (Niave) da GNR de Lisboa, por ter espancado a mãe de 79 anos, em Galamares, Sintra, forçando-a mesmo a sair da casa onde ambos viviam. Toxicodependente, o detido terá começado a agredir a mãe após a morte do pai, há cerca de um ano.

Durante meses, a mulher foi espancada e sofreu uma tentativa de estrangulamento às mãos do filho, que dizia querer ficar com a herança do pai. Depois de a mãe sair de casa, o filho destruiu toda a habitação, para vender artigos e sustentar o vício da droga.

Na quarta-feira, e após investigação, o Niave da GNR de Lisboa prendeu o agressor, que fica em prisão preventiva por ordem do Tribunal de Sintra. A mesma unidade, no mesmo dia, prendeu outro homem, de 43 anos, também por violência doméstica. O suspeito foi apanhado em Carvoeira, Mafra.

Depois de, em 2016, a mulher ter apresentado queixa contra ele, da qual desistiu, o agressor continuou a bater-lhe, em frente às filhas. O Tribunal de Mafra aplicou-lhe agora afastamento da residência e proibição de contactos.
Ver comentários