Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

GNR constitui arguidos dois jovens de 23 anos por ofensas à integridade física em Murça

Jovem de 19 anos foi vítima da dupla.
Lusa 3 de Julho de 2020 às 18:03
Tribunal
Justiça
Tribunal
Justiça
Tribunal
Justiça
Dois jovens de 23 anos foram constituídos arguidos em Murça por suspeita de ofensas à integridade física com uma arma de ar comprimido a um outro jovem, de 19 anos, anunciou hoje a GNR de Vila Real.

Em comunicado, a força policial explicou que um jovem de 19 anos apresentou queixa em 30 de junho por ter sido atingido com um tiro de arma de ar comprimido em Murça, no distrito de Vila Real.

"Foi possível apurar que, no decorrer de uma situação relacionada com excesso de barulho, onde os suspeitos incomodados com o barulho que um grupo de jovens estaria a fazer, terão efetuado dois tiros, tendo um dos disparos atingido a vítima, de 19 anos, que sofreu ferimentos ligeiros num ombro", pode ler-se na nota.

O Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Vila Real e o Posto Territorial da GNR de Murça "efetuaram diligências policiais no sentido de apurar os factos".

Na sequência da investigação "identificaram e constituíram arguidos dois suspeitos, e apreenderam a arma usada no crime", acrescenta a nota.

Os dois jovens, de 23 anos, foram constituídos arguidos por "ofensas à integridade física".

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Murça.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)