Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

GNR detém duas pessoas por violação do confinamento obrigatório em Vale de Cambra

Um dos infratores foi intercetado no interior de um estabelecimento de restauração e bebidas.
Lusa 29 de Setembro de 2020 às 13:46
GNR, xxx
GNR, xxx FOTO: Rui Minderico
A GNR deteve um homem e uma mulher por violação do confinamento obrigatório a que estavam sujeitos, no âmbito da pandemia de covid-19, em Vale de Cambra, distrito de Aveiro, informou esta terça-feira aquela força militar.

"No decorrer de ações de policiamento destinadas a verificar o cumprimento do confinamento obrigatório, os militares da Guarda, no dia 26 de setembro, deslocaram-se à residência de um homem de 62 anos, onde verificaram que este se tinha ausentado do domicílio, violando a medida determinada pelas autoridades de saúde", revela a GNR numa nota de imprensa.

Após contacto com o infrator, a GNR apurou que este se encontrava no interior de um estabelecimento de restauração e bebidas, na localidade de São Pedro de Castelões, no mesmo concelho.

Numa outra situação, na segunda-feira, os militares verificaram que a mulher, de 61 anos, não se encontrava na sua residência, tendo sido localizada na localidade de Ossela, no concelho de Oliveira de Azeméis.

"Em ambas as ocorrências, após garantido o regresso às respetivas residências, os suspeitos foram detidos e constituídos arguidos, tendo os factos sido remetidos ao Tribunal Judicial de Vale de Cambra", refere a mesma nota.

A violação do confinamento obrigatório constitui crime de desobediência, sendo punível com pena de prisão até um ano e quatro meses ou pena de multa até 160 dias.

Em Portugal, morreram 1.957 pessoas dos 74.029 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Vale de Cambra GNR Aveiro política crime lei e justiça questões sociais polícia autoridades locais
Ver comentários