Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

GNR deteve suspeito de tráfico de droga e apreendeu 806 plantas de canábis em Murça

Detenção culminou uma investigação relacionada com o tráfico de produtos estupefacientes desencadeada há cerca de 15 dias.
Lusa 14 de Julho de 2020 às 16:50
GNR
GNR, xxx
GNR, xxx
GNR
GNR, xxx
GNR, xxx
GNR
GNR, xxx
GNR, xxx
A GNR deteve um homem de 53 anos suspeito do crime de tráfico de droga, em Murça, e apreendeu 806 plantas de canábis e cinco armas de fogo em situação ilegal, anunciou hoje aquela força policial.

A detenção culminou uma investigação relacionada com o tráfico de produtos estupefacientes desencadeada há cerca de 15 dias por elementos do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da GNR de Vila Real.

No âmbito do inquérito de investigação, os militares realizaram uma busca domiciliária e uma busca num terreno agrícola, em Murça, que "permitiram deter o suspeito e apreender diverso produto estupefaciente, nomeadamente canábis e cinco armas de fogo em situação ilegal".

Segundo referiu a GNR, em comunicado, as plantas foram colhidas no terreno onde o suspeito as cultivava e as armas foram detetadas aquando da busca domiciliária, tendo sido apreendidas por não estarem documentadas.

No total foram apreendidas 806 plantas de canábis com o peso de 220 quilogramas, folhas de canábis com o peso de 24,8 gramas, duas carabinas, duas caçadeiras, um revólver, 149 munições e um telemóvel.

O detido vai ser presente ao Tribunal Judicial de Vila Real para aplicação de eventuais medidas de coação.

A operação contou com o reforço de militares do Posto Territorial de Murça e do Núcleo de Apoio Técnico do Comando Territorial de Vila Real.

GNR Murça crime lei e justiça crime
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)