Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Guarda-prisional em preventiva após perseguir e agredir ex-mulher

Casal tem três filhos em comum.
Miguel Curado 10 de Agosto de 2020 às 22:44
Prisão
Prisão FOTO: Alexandre Azevedo

O tribunal judicial de Sintra aplicou esta segunda-feira a medida de coação de prisão preventiva a um guarda prisional de 44 anos, preso no último sábado pela unidade anti-violência doméstica da GNR de Lisboa por violência doméstica sobre a ex-companheira. 

Separado há um ano, o arguido continuava a perseguir a antiga mulher, esbofeteando-a com frequência. O casal tem três filhos em comum.

Preso à entrada do local de trabalho por militares do núcleo de investigação e apoio a vítimas específicas da GNR de Lisboa, o guarda Prisional já está na cadeia de Évora.

polícia crime lei e justiça Lisboa Sintra GNR Guarda-prisional
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)