Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Homem morre em choque violento de carro e motas no Bombarral

Vítima mortal era condutor de um dos veículos de duas rodas.
Francisco Gomes 11 de Outubro de 2021 às 08:40
Danos no automóvel mostram violência da colisão
Bombeiros nada puderam fazer para salvar motociclista de 57 anos
As duas motas também foram projetadas para pomar
Danos no automóvel mostram violência da colisão
Bombeiros nada puderam fazer para salvar motociclista de 57 anos
As duas motas também foram projetadas para pomar
Danos no automóvel mostram violência da colisão
Bombeiros nada puderam fazer para salvar motociclista de 57 anos
As duas motas também foram projetadas para pomar
Uma violenta colisão frontal envolvendo duas motas e um carro provocou este domingo a morte de um homem de 57 anos e deixou outro, de 43 anos, com ferimentos graves, na EN8, ao km 67.9, em Casalinho, no Bombarral.


O acidente verificou-se junto a uma das muitas curvas naquela estrada, que liga Torres Vedras ao Bombarral, e o alerta foi dado pelas 11h01. Os veículos sinistrados foram parar a um pomar. Os dois motociclistas, que seguiam na direção ao Bombarral, foram as principais vítimas. Um deles, José Grazina Tavares, natural de Penafiel e residente no Pinhal Novo (Palmela), diretor e formador de segurança, teve morte imediata. O corpo foi levado para o Gabinete Médico-Legal do Oeste, em Torres Vedras, para ser autopsiado.

O outro motociclista, de Samora Correia (Benavente), sofreu múltiplas fraturas e encontrava-se em estado grave, sendo transportado para o Hospital de Torres Vedras.

Quanto ao condutor e os dois ocupantes do carro nada sofreram. Um homem de 85 anos e a neta, de 18 anos, foram assistidos no local, mas não chegaram a ser transportados para o hospital. Uma familiar, de 84 anos, que seguia noutro carro que não esteve envolvido no acidente, acabou também por ser assistida, devido a uma indisposição súbita de saúde.

Para o local foram mobilizados 21 operacionais e dez viaturas dos bombeiros do Bombarral, Cadaval e Óbidos, a equipa da viatura médica de emergência e reanimação do Hospital das Caldas da Rainha e a GNR.n
Bombarral Casalinho EN8 questões sociais acidentes e desastres saúde acidente rodoviário hospitais
Ver comentários
}