Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Luís Filipe Vieira e Domingos Soares de Oliveira arguidos por alegada prática de fraude fiscal

Clube confirmou esta terça-feira à noite em comunicado enviado à CMVM.
Correio da Manhã 14 de Julho de 2020 às 23:59
Domingos Soares de Oliveira, o administrador financeiro da SAD, e o presidente do clube, Luís Filipe Vieira, com o sino da Bolsa lisboeta Euronext
Domingos Soares de Oliveira, o administrador financeiro da SAD, e o presidente do clube, Luís Filipe Vieira, com o sino da Bolsa lisboeta Euronext FOTO: Fernando Ferreira
O Benfica confirmou esta terça-feira à noite em comunicado enviado à CMVM que a SAD do clube, Benfica Estádio, Luís Filipe Vieira e Domingos Soares de Oliveira foram constituídos arguidos por alegada prática de fraude fiscal.

"A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD informa, nos termos e para os efeitos previstos no artigo 248.º-A do Código dos Valores Mobiliários, que a Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD e a Benfica Estádio – Construção e Gestão de Estádios, S.A., assim como o Presidente Luis Filipe Vieira e o Administrador Domingos Soares de Oliveira, ambos por serem representantes legais daquelas sociedades, foram constituídos arguidos pela alegada prática de um crime de fraude fiscal qualificada, por se entender que aquelas sociedades obtiveram nos anos 2016 e 2017 uma vantagem patrimonial indevida à qual está associada uma possível contingência fiscal calculada pela Autoridade Tributária no valor total aproximado de €600.000", pode ler-se.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)