Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Mulher que matou o companheiro à facada em Fafe acusada de homicídio qualificado

Caso remonta a outubro de 2017.
Lusa 4 de Dezembro de 2018 às 13:02
Tribunal de Relação do Porto
Ataque com faca
Ataque com faca
Tribunal de Relação do Porto
Ataque com faca
Ataque com faca
Tribunal de Relação do Porto
Ataque com faca
Ataque com faca
O Ministério Público acusou de homicídio qualificado e de violência doméstica agravada uma jovem que matou o namorado à facada, em Fafe, em outubro de 2017, anunciou esta terça-feira a Procuradoria-Geral Distrital do Porto.

Em nota publicada na sua página, aquela Procuradoria refere que o Ministério Público (MP) considerou indiciado que a relação entre a arguida, nascida em 1996, e o companheiro "se mostrou sempre conturbada".

Segundo a acusação, a culpa era da arguida, por ser "possessiva, controladora, manipuladora e obcecada pela vítima".

O MP diz que a arguida vigiava as redes sociais Facebook e Instagram do companheiro, controlava-lhe o telemóvel e dirigiu-lhe insultos, nomeadamente através de mensagens de telemóvel.

A acusação acrescenta que a arguida socou e arranhou o companheiro, encetou discussões em locais públicos por motivos de ciúmes e enviou-lhe mensagens de forma insistente para o telemóvel, a qualquer hora do dia ou da noite, como forma de pressão psicológica.

Na madrugada de 17 de outubro de 2017, em Fafe, onde residiam, a arguida terá encetado com o companheiro uma discussão, alegadamente depois de lhe ter consultado no telemóvel as mensagens no Facebook e ter verificado que ele enviara os parabéns a uma outra mulher.

"Na sequência da discussão, pelas 04h15, como o companheiro fizesse tenções de abandonar a residência, não acedendo aos seus pedidos para que ficasse, a arguida, com uma faca que trouxera da cozinha, desferiu-lhe um golpe no pescoço, matando-o", refere ainda a acusação.
Ver comentários