Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

MULHERES CONTRA A PROSTITUIÇÃO EM CHAVES

A exemplo do autodenominado movimento “Mães de Bragança” que decidiram colocar travão nas prostitutas brasileiras por estarem “a destruir muitos lares”, chegou agora a vez das mulheres de Chaves pedirem às autoridades que fechem as casas de diversão nocturna daquela cidade pelo mesmo motivo.
3 de Maio de 2003 às 01:25
Recorde-se que as brasileiras que trabalham em bares de alterne são acusadas pelas mães de família de estarem a dar cabo “da cabeça e das carteiras de alguns maridos”. Mas a opinião destas mães não é a mesma que a das brasileiras: “Os maridos vêm cá porque são mal amados”. Certo é que o negócio corre de vento em popa e cada vez a procura é maior levando à abertura de novos estabelecimentos.
Ver comentários