Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

PJ deteve seis suspeitos de roubo e tentativa de homicídio na Póvoa de Lanhoso

Assaltantes terão efetuado pelo menos três disparos sobre um popular que assistiu a roubo.
Lusa 15 de Setembro de 2020 às 17:05
Mulher vivia com corpo da filha morta há uma semana em casa.
Mulher vivia com corpo da filha morta há uma semana em casa. FOTO: Direitos Reservados
A Polícia Judiciária deteve esta terça-feira seis homens suspeitos de integrarem um "grupo organizado e perigoso" responsável por crimes de roubo, furto e homicídio tentado, entre os quais o assalto à mão armada a um ourives na Póvoa de Lanhoso.

Fonte da Polícia Judiciária de Braga disse à Lusa que o caso da Póvoa de Lanhoso ocorreu no dia 17 de fevereiro, quando o ourives regressava a casa, de carro, após uma feira em Guimarães e foi atacado por um grupo armado, que lhe roubou ouro avaliado em cerca de 500 mil euros.

Os assaltantes terão efetuado pelo menos três disparos sobre um popular que assistiu ao roubo e que "só não foi atingido por mera casualidade".

Póvoa de Lanhoso PJ Polícia Judiciária de Braga crime lei e justiça polícia
Ver comentários