Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Prisão preventiva para cinco das sete pessoas detidas na megaoperação da GNR por roubo a idosos

Em causa está a prática de 197 crimes a vítimas vulneráveis.
Correio da Manhã 22 de Fevereiro de 2020 às 12:19
Tribunal de Sintra
Tribunal de Sintra FOTO: David Martins

Cinco dos sete detidos na megaoperação da GNR por roubo com violência a idosos ficaram em prisão preventiva.

Num comunicado divulgado este sábado pela GNR, as autoridades informaram que "foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva a cinco deles e apresentações semanais a um outro", após terem sido presentes ao Tribunal Judicial de Sintra esta sexta-feira. 

Sete pessoas foram detidas esta quarta-feira numa megaoperação da GNR em todo o País por roubo com violência. Em causa está a prática de 197 crimes a vítimas vulneráveis, entre os quais idosos. 

Em comunicado, divulgado no mesmo dia, a GNR revelou que 63 dos 197 crimes foram por roubo, 102 por furto qualificado, 23 por furto simples e nove por violência após subtração, em que as vítimas eram idosas, encontrando-se habitualmente sozinhas nas suas habitações.



GNR crime lei e justiça tribunal judicial de sintra prisão preventiva roubo idosos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)