Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Prisão preventiva para suspeito de dezenas de furtos e burlas em Lisboa

Detido terá conseguido arrecadar mais de 36 mil euros com a prática dos crimes de que é acusado.
Lusa 1 de Setembro de 2020 às 17:26
Tribunal
Tribunal
Um homem ficou em prisão preventiva por ser suspeito de dezenas de furtos qualificados e de burlas informáticas na zona de Lisboa, divulgou esta terça-feira o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis).

Em comunicado, o Cometlis explica que o homem foi detido na sexta-feira na Gare do Oriente, na zona do Parque das Nações, quando tentava furtar uma carteira.

"Foi possível apreender ao arguido nove documentos de identificação de terceiros, suspeitando-se que o mesmo faça uso deles na sua vida diária para ocultar e preservar a sua identidade, e ainda a quantia avultada de 25 mil euros", adianta a nota.

A PSP refere que o homem, que estava a ser investigado desde maio, é suspeito de 28 crimes de furto qualificado, todos eles em transporte público, cinco crimes de burla informática, pelo uso de cartões bancários, e um crime de uso de identidade alheia e falsificação de documento.

"Suspeita-se de que o detido terá conseguido arrecadar mais de 36.000 euros com a prática dos crimes de que vem acusado, encontrando-se a PSP ainda a realizar um esforço investigatório no sentido de deslindar outros crimes por ele praticados", acrescenta a nota.

O detido, sobre quem pende nos Serviços de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) um processo de afastamento coercivo, foi presente ao Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Ver comentários