Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Professor de Direito que comparou feminismo ao nazismo está a ser julgado por violência doméstica

Catedrático de Direito Penal falou de mulheres como pessoas "desonestas" e atacou feminismo.
Correio da Manhã 24 de Setembro de 2020 às 08:52
Faculdade de Direito
Faculdade de Direito FOTO: Inês Gomes Lourenço
A Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa retirou programas, que está a analisar, de duas cadeiras do mestrado em Direito em que professor de Direito Penal fala de mulheres como pessoas "desonestas" e ataca feminismo.

Francisco Aguilar está a ser julgado por violência doméstica, segundo avança o jornal Público.
Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa crime lei e justiça justiça e direitos
Ver comentários