Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Queixa de português leva a detenção de casal por explorar imigrantes em Espanha

Detidos colocavam os trabalhadores a dormir num contentor, sem luz, água corrente e debaixo de temperaturas negativas.
Miguel Curado 17 de Janeiro de 2021 às 09:27
Trabalhadores eram explorados
Trabalhadores eram explorados FOTO: João Miguel Rodrigues
A queixa de um trabalhador agrícola português que se envolveu numa luta com um colega na zona de Alicante, em Espanha, levou a Guardia Civil à detenção do casal de patrões dos dois homens, por suspeitas de escravatura.

A primeira intervenção ocorreu há cerca de um mês. A Guardia Civil tomou conta da ocorrência de agressões e começou a investigar, acabando por desvendar uma realidade de exploração laboral. Nove trabalhadores, incluindo vários portugueses, eram forçados a trabalhar todos os dias da semana. Recebiam em dinheiro, apenas o suficiente para as necessidades básicas, e ficaram sem documentos logo desde o início do trabalho na exploração agrícola do casal.

Os detidos colocavam os trabalhadores a dormir num contentor, sem luz, água corrente e debaixo de temperaturas negativas. O casal foi preso esta semana por explorarem as vítimas. Ficaram em liberdade, sujeitos a apresentações às autoridades. Os trabalhadores foram libertados.
Ver comentários