Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Sete detidos em operação da GNR por fraude de 4,2 milhões

Suspeitos estão indiciados por fraude qualificada e associação criminosa, entre outros.
A.G. e Ágata Rodrigues 8 de Julho de 2020 às 08:58
Autoridades durante as buscas
Autoridades durante as buscas FOTO: Direitos Reservados
Sete pessoas foram detidas esta terça-feira numa megaoperação da Unidade Fiscal da GNR, em todo o País. Em causa está um esquema de fraude organizada, em que o Estado terá sido lesado em 4,2 milhões de euros.

A operação, realizada em colaboração com a Direção de Finanças do Porto, foi o culminar de uma investigação que durava há cerca de um ano. Envolveu ainda a Europol e a Eurojust. Ao todo, foram realizadas 130 buscas em Portugal, sete não domiciliárias em Espanha; e cumpridos seis mandados de detenção no nosso país e dois europeus no Reino Unido.

A GNR explicou esta terça-feira que a fraude envolvia os principais mercados grossistas. Neste esquema, encabeçado por dois paquistaneses, eram comprados bens, supostamente para exportar, no entanto esses eram vendidos no país a preços mais baixos e sem IVA. Os detidos estão indiciados por fraude qualificada e associação criminosa, entre outros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)