Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Sete pessoas detidas por lenocínio em Sesimbra

GNR de Setúbal deteve suspeitos de pertencerem a grupo que facilitava a prostituição num estabelecimento de diversão noturna.
Lusa 6 de Junho de 2019 às 17:44
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
A GNR de Setúbal deteve sete pessoas suspeitas de pertencerem a um grupo que facilitava a prostituição num estabelecimento de diversão noturna na Quinta do Conde, concelho de Sesimbra, foi esta quinta-feira anunciado.

Segundo o Comando Territorial de Setúbal, a investigação iniciada há cerca de um ano culminou com uma operação policial realizada na terça-feira pelo Núcleo de Investigação Criminal de Setúbal, em que foram detidos cinco homens e duas mulheres, de idades entre os 38 e os 66 anos.

Os detidos, que são suspeitos do crime de lenocínio, dois deles ainda a aguardar recurso do Tribunal da Relação pela prática do mesmo crime, deverão ser esta quinta-feira presentes a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Setúbal.

Em comunicado, a GNR adianta que foram ainda identificadas sete mulheres, com idades entre os 24 e os 50 anos, também por suspeita de estarem envolvidas na prática do crime de lenocínio.

Na operação policial, os militares da GNR deram cumprimento a sete mandados de detenção e sete mandados de busca domiciliária, um em estabelecimento de diversão noturna e dois em veículos, de onde resultou a apreensão de diversos artigos de cariz sexual e mais de três mil preservativos.

Foram ainda apreendidas três viaturas de gama média/alta, mais de quatro mil euros em numerário, oito telemóveis, dois computadores portáteis e duas televisões.

Além dos militares do Destacamento de Intervenção de Setúbal da GNR de Setúbal, participaram na operação outros militares dos Postos Territoriais de Sesimbra, Azeitão e Quinta do Conde, e elementos do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)