Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Suspeito de ameaçar e agredir ex-companheira em Gaia fica com pulseira eletrónica

Detido, de 28 anos, ficou impedido de contactar por qualquer forma ou meio a vítima.
Lusa 24 de Setembro de 2020 às 17:25
Pulseira eletrónica
Pulseira eletrónica FOTO: Getty Images
Um homem suspeito de maltratar e de ameaçar de morte a sua ex-companheira, em Vila Nova de Gaia, ficou sujeito a pulseira eletrónica pelo Tribunal de Instrução Criminal do Porto (TIC), anunciou esta quinta-feira a GNR.

O detido, de 28 anos, ficou também impedido de contactar por qualquer forma ou meio a vítima, adiantou.

Na nota, esta força policial sublinhou que o TIC proibiu ainda o suspeito de comprar ou deter armas, dado já ter antecedentes criminais pela posse ilegal das mesmas.

A detenção aconteceu no âmbito de uma investigação pelo crime de violência doméstica, tendo os militares apurado que o suspeito, durante 11 anos de relação, ameaçava de morte a vítima, de 28 anos, e maltratava-a física e verbalmente, exigindo-lhe dinheiro para o consumo de drogas, referiu.

TIC Vila Nova de Gaia GNR Tribunal de Instrução Criminal do Porto crime lei e justiça crime polícia
Ver comentários