Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Suspeito do homicídio do rapper Mota Jr isolado em cela a cumprir quarentena

Em caso de não acusar coronavírus, será integrado junto da restante população prisional.
Miguel Curado 28 de Maio de 2020 às 15:54
Edi Barreiros, suspeito da morte do rapper Mota Jr detido no Porto
Edi Barreiros, suspeito da morte do rapper Mota Jr detido no Porto FOTO: CMTV

Edi Barreiros, o suspeito do homicídio, roubo e rapto do rapper Mota Jr, vai cumprir a medida de coação de prisão preventiva no Estabelecimento Prisional de Lisboa. O CM sabe que o arguido deu entrada naquela cadeia ao final da manhã, e já passou pelo registo normal de entrada de todos os reclusos.

O suspeito de co-autoria da morte violenta de Mota Jr. irá ficar na Ala F da cadeia da capital, destinada à realização de quarentena profilática por parte dos reclusos.

Após a conclusão de 15 dias de isolamento, em que fará recreio e tomará as refeições sozinho, Edi Barreiros irá ser testado à Covid-19. Em caso de não acusar a doença, será integrado junto da restante população prisional.

Ver comentários