Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Proteção Civil alerta para inundações devido à depressão Bárbara. Conheça as recomendações

Chuva persistente e vento forte previstos para os próximos dois dias.
19 de Outubro de 2020 às 12:26
Chuva
Chuva
Chuva
Chuva
Chuva
Chuva
Chuva
Chuva
Chuva
A Proteção Civil alertou esta segunda-feira a população para a possibilidade de inundações, cheias e galgamento dos rios devido à depressão Bárbara que traz chuva persistente e vento forte nos próximos dois dias. 

A maior carga de precipitação deverá ocorrer já a partir do 12h00 desta segunda-feira até cerca das 18h00 no centro do país. A Proteção Civil recomenda por isso que a população evite zonas de risco de inundação ou onde o vento possa abalar estruturas e que seja feita a manutenção dos sistemas de escoamento, como sarjetas, antes que a chuva atinja de forma mais persistente o país. 

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil recomenda ainda a adoção de comportamentos adequados à situação meteorológica.

Treze distritos de Portugal continental vão estar esta segunda-feira sob aviso laranja devido à previsão chuva forte e trovoada, estendendo-se depois na terça-feira a todos os 18 distritos na sequência da passagem da depressão Bárbara, segundo o IPMA.

Portugal continental vai estar sob o efeito da depressão Bárbara, a partir da tarde desta segunda-feira e até ao final de terça-feira, que dará origem a precipitação forte, aumento da intensidade do vento com rajadas até 100 quilómetros por hora e até 130 quilómetros por hora nas terras altas e agitação marítima, em especial na costa da região sul.

Bárbara acidentes e desastres
Ver comentários