Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Terminal de GNL de Sines alcançou máximos históricos em 2019

Registou um aumento em todos os todos os segmentos.
Joaquim Bernardo 22 de Janeiro de 2020 às 18:07
Terminal de GNL de Sines alcançou máximos históricos em 2019
Terminal de GNL de Sines alcançou máximos históricos em 2019
Terminal de GNL de Sines alcançou máximos históricos em 2019
Terminal de GNL de Sines alcançou máximos históricos em 2019
Terminal de GNL de Sines alcançou máximos históricos em 2019
Terminal de GNL de Sines alcançou máximos históricos em 2019

O Terminal de Gás Natural de Sines alcançou máximos históricos em 2019, registando um crescimento de 44,5%, face ao período homólogo, ultrapassando os 4 milhões de toneladas, o que lhe permitiu reforçar a sua posição de principal porta de entrada de GNL no país, sendo responsável por cerca de 90% do consumo nacional.

Segundo dados divulgados pela REN – Redes Energéticas Nacionais, ao longo do último ano foram rececionados 67 navios, dos quais 65 descargas e dois arrefecimentos, o que corresponde a um aumento de 49% face ao anterior máximo de 45 navios obtido em 2018.

Em relação ao número de cargas de cisternas, o novo máximo é de 6.621, um aumento de 9% face ao anterior máximo de 6.072 cargas, obtido em 2018.

Foi também obtido um novo máximo de GNL regaseificado para a rede nacional de transporte de gás natural, que é agora de 61,63 Gigawatt-hora (GWh), correspondente a 90,4% do gás natural consumido em Portugal. Este valor representa uma subida de 48% face ao anterior máximo de 41,51 GWh, de 2018.

O atual nível de utilização do Terminal de GNL de Sines reforça a sua importância no contexto do Sistema Nacional de Gás Natural e confirma a estratégia de expansão da REN para esta infraestrutura ao longo dos últimos anos.

O Terminal de Gás Natural de Sines iniciou a sua atividade em 2003, é operado em regime de concessão de uso privativo pela empresa REN Atlântico.

Dotado de um posto de acostagem com fundos de 15 metros ZH, permite a receção de navios metaneiros até 225.000 m3.

Para o armazenamento do gás natural recebido, o terminal dispõe de dois tanques de armazenagem com capacidade para 120.000 m3 cada, e um terceiro tanque com capacidade para 150.000 m3, oferecendo uma capacidade total de armazenagem de 390.000 m3 de gás natural liquefeito.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)