Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Centenas no último adeus a Paulo Gonçalves

Emoção marca homenagem a Paulo Gonçalves 11 dias após acidente fatal no Rali Dakar.
Liliana Rodrigues 24 de Janeiro de 2020 às 01:30
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Centenas de motards prestam homenagem a Paulo Gonçalves
Um mar de motas, a perder de vista, acompanharam esta quinta-feira a urna do piloto Paulo Gonçalves, que chegou ao final da manhã ao aeroporto Sá Carneiro, no Porto. Onze dias depois de ter sofrido uma queda fatal, na sétima etapa do Rali Dakar, onde participava pelo 13º ano, a família pôde começar a fazer o luto e despedir-se de ‘Speedy’, como era conhecido no mundo motard.

A praça frente à Câmara de Esposende foi pequena. Dezenas de pessoas acotovelaram-se para a última homenagem e para cumprir um minuto de silêncio. Uma sonora e demorada salva de palmas acompanhou a chegada e saída da urna da cidade, rumo à freguesia onde residia e onde será sepultado hoje.

"Fiz questão de cá estar. Foi um grande homem, lutador e destemido. Um exemplo para todos, não podia deixar de vir", disse Fernando Carneiro, um dos muitos anónimos presentes, enquanto segurava uma bandeira portuguesa com uma fotografia, colada, do piloto. Estava visivelmente emocionado ao ver passar cortejo fúnebre, ao qual se associaram centenas de motards.

"O Paulo é o nosso orgulho. Um piloto ímpar. Sempre humilde e pronto a ajudar o próximo. Não podia deixar de estar aqui e mostrar que é importante para todos nós", desabafou, sem conter as lágrimas, um dos motards que seguiu a urna desde o aeroporto, num cortejo que se assemelhava a uma concentração motard e que invadiu quinta-feira a marginal de Esposende.

D. Jorge Ortiga celebra funeral
D. Jorge Ortiga, Arcebispo Primaz de Braga, vai celebrar esta sexta-feira a missa de corpo presente, na Igreja Paroquial de Gemeses, em Esposende, a escassos metros da casa onde o piloto residia com a mulher e os dois filhos menores. As cerimónias fúnebres têm início marcado para as 16h00.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)