Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Centro de Vacinação contra a Covid-19 arranca em pavilhão escolar de Oliveira de Azeméis

O idosos do concelho já levaram a primeira dose da vacina contra o coronavírus.
Lusa 2 de Março de 2021 às 10:23
Centro de vacinação vai ser instalado num pavilhão escolar de Oliveira de Azeméis
Centro de vacinação vai ser instalado num pavilhão escolar de Oliveira de Azeméis FOTO: Getty Images
O pavilhão desportivo da Escola Secundária Soares Basto começa na quarta-feira a funcionar como Centro de Vacinação de Oliveira de Azeméis contra a Covid-19, como revelou, esta terça-feira, a Câmara Municipal, estimando receber 240 a 400 pessoas por dia.

Segundo a autarquia do distrito de Aveiro, o recinto funcionará de segunda-feira a domingo, entre as 09:00 e as 19:00, sempre que houver 'stock' de vacinas disponível para o efeito, e optará por operar apenas nos dias úteis quando a reserva de inoculações for mais reduzida.

A escolha do pavilhão escolar para a vacinação contra a covid-19 deve-se à dimensão do espaço e à sua localização central no município, esperando o presidente da Câmara acabar assim com a necessidade de os habitantes do território terem que se deslocar ao concelho vizinho de São João da Madeira para a inoculação.

"Esta estrutura é fundamental para servir melhor a população, evitando que os oliveirenses se desloquem a outros locais para serem vacinados. Permitirá também otimizar o processo de inoculação, contribuindo para que possamos responder de forma mais rápida e cumprir as metas previstas no plano nacional de vacinação", declarou Joaquim Jorge Ferreira.

O trabalho será efetuado com recurso a "uma forte equipa de profissionais", sendo que as funções clínicas estarão a cargo de quadros do Agrupamento de Centros de Saúde EDV II Aveiro Norte, enquanto "o pessoal de apoio é a autarquia que cede". O recurso a voluntários também será considerado "em caso de necessidade".

Com uma população de aproximadamente 70 mil habitantes dispersos por 163 quilómetros quadrados, o concelho de Oliveira de Azeméis já administrou pelo menos a primeira dose da vacina à parte mais idosa da sua população.

Segundo dados da Câmara, até ao final de fevereiro, no domingo, quase 400 pessoas afetas a lares de seniores, estruturas residenciais e espaços similares já tinham recebido as duas doses da inoculação contra o vírus SARS-CoV-2. No que se refere a utentes, em específico, o registo dá conta de que 206 já foram inoculados com duas tomas e 157 com a primeira dose; no que concerne aos funcionários, 181 contam já com duas inoculações e 145 aguardam a segunda toma.

Quanto à restante população local, a vacinação arrancou com os seniores de idade superior a 80 anos e 425 pessoas nessa faixa etária já foram inoculados. Na segunda fase do processo, destinada a utentes com idade dos 50 aos 65 anos e comorbilidades, ainda só foram vacinados seis cidadãos.

A pandemia de Covid-19 provocou, pelo menos, 2.531.448 mortos no mundo, resultantes de mais de 114 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.351 pessoas dos 804.956 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários