Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Escola fecha em Sanfins do Douro e população resguarda-se em casa devido a surto de Covid-19

Primeiros casos positivos foram detetados na Associação Cultural e Social da localidade.
Lusa 23 de Outubro de 2020 às 13:56
Câmara Municipal de Alijó
Câmara Municipal de Alijó FOTO: Leandro Coutinho
Em Sanfins do Douro, Alijó, fechou a escola primária, correios, junta de freguesia e os bombeiros devido a um surto do novo coronavírus e a população está resguardada em casa e só sai à rua com máscara.

Os primeiros casos positivos foram detetados na Associação Cultural e Social de Sanfins do Douro, tendo-se alastrado depois à comunidade desta vila do concelho de Alijó, distrito de Vila Real.

A presidente da Junta de Freguesia de Sanfins do Douro, Carla Miranda, disse à agência Lusa que, em consequência do surto, fechou hoje a Escola Básica (EB), onde estudam 25 crianças, separadas em duas turmas.

Na vila duriense estavam já encerrados os Correios, a junta de Freguesia e os bombeiros também suspenderam temporariamente o serviço por causa de uma redução "drástica" do número de efetivos, em consequência de um elemento da corporação estar positivo e de outros que se encontram em isolamento.

O Agrupamento de Escolas D. Sancho II, com sede em Alijó, confirmou, em comunicado, que um aluno da EB de Sanfins do Douro fez um teste com resultado positivo ao novo coronavírus.

Também na sede do agrupamento foi detetado um aluno do 7.º ano positivo. Este aluno reside em Sanfins do Douro.

O agrupamento explicou que todos os alunos destas duas turmas vão ficar em isolamento profilático até ao início de novembro (dias 02 e 03) e com regime de aulas à distância.

Em articulação com a autoridade de saúde pública, foi também decidido que a escola de Sanfins fica fechada e a segunda turma fica em isolamento por "precaução" porque os restantes alunos são considerados "contactos de alto risco", já que ali há partilha de refeitório, por exemplo.

Os demais alunos do agrupamento, segundo o comunicado, continuarão a frequentar as aulas em regime presencial.

A autarca Carla Miranda mostrou-se preocupada com a situação e referiu que a "população é muito idosa".

Nesta freguesia do concelho de Alijó residem cerca de 1.200 pessoas.

A autarca descreveu uma vila em que as pessoas "estão mais recolhidas em casa" e só saem para o "estritamente necessário", como o trabalho, nomeadamente nas vinhas, sublinhando que, quem sai, anda sempre de máscara na rua.

O primeiro caso positivo relacionado com a Associação Cultural e Social de Sanfins do Douro foi detetado no âmbito do rastreio por amostragem desencadeado pela Câmara de Alijó nas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e bombeiros do concelho.

Até então não havia registo de qualquer caso nesta freguesia e este foi, segundo Carla Miranda, "um abanão" para a comunidade.

Dados divulgados na quarta-feira apontavam para 17 funcionários infetados naquela associação e 11 utentes do lar de idosos, três dos quais estão hospitalizados.

Cinco idosos não infetados foram retirados do lar, que entretanto foi desinfetado, e colocados na pousada da juventude de Alijó.

Foi também acionada a brigada distrital criada no seio da Segurança Social para apoio aos lares.

Entretanto, foram realizados testes nos familiares e contactos de risco, mas os resultados ainda não foram divulgados.

A Câmara de Alijó acionou na quarta-feira o Plano Municipal de Emergência e reativou o gabinete de crise.

A Comissão Municipal de Proteção Civil reuniu na quinta-feira e decidiu cancelar a feira quinzenal por tempo indeterminado.

A feira já não se realizou hoje e, segundo o município, esta medida "será alvo de monitorização permanente".

Entretanto, a GNR resolveu adiar as ações de sensibilização junto dos idosos previstas para o concelho de Alijó, devido às "circunstâncias pandémicas locais" e até que "estejam reunidas condições sanitárias".

Em Portugal, morreram 2.245 pessoas dos 109.541 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários