Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Incêndio em canil gera onda de solidariedade

Cães desaparecidos e outros mortos na Chão dos Bichos.
Natacha Nunes Costa 11 de Agosto de 2015 às 10:01
Mais de cem bombeiros combateram o incêndio que atingiu o canil da Associação Chão dos Bichos.

O incêndio que deflagrou segunda-feira à tarde na região de Murteira, concelho de Loures, junto à autoestrada A8, deixou um rasto de destruição e de morte no canil da Associação Chão dos Bichos. Viveram-se momentos de pânico. "Ficou tudo destruído, morreram imensos animais e estão fugidos cerca de 80. Amanhã [esta terça-feira] mal saia das gravações vou ajudar nas buscas. São precisas casotas, mantas, ração e quem quiser depositar, nem que seja 1 euro, a Chão dos Bichos agradece", escreveu esta madrugada a atriz Rita Pereira na sua página de Facebook.

Também Nuno Markl e Ana Galvão se mostraram solidários com os animais do canil da Associação Chão dos Bichos, apelando não só à ajuda de voluntários para procurar os animais desaparecidos como ao cuidado que os condutores devem ter nas estradas, que rodeiam a zona atingida, para não atropelarem nenhum cão.

Animais na estrada
"Avisem familiares, amigos, conhecidos, vizinhos que guiem com extremo cuidado na zona da Murteira/Loures. Temos cães assustados à solta devido a um incêndio na Chão dos Bichos. Há, depois disso, necessidade de ajudar a procurá-los e a repor necessidades", partilhou Ana Galvão.

Segundo a associação, o fogo, que "deflagrou fora do abrigo mas que percorreu toda a vegetação numa fração de minutos" consumiu vários recintos e boxes e só deu tempo para soltar os animais. Cinco morreram, 80 foram já resgatados mas ainda falta encontrar 50 cães.

Como ajudar
Além de várias celebridades, são centenas os anónimos a apelar nas redes sociais por ajuda à Associação Chão dos Bichos. O Movimento Movido a 4 Patas está a organizar um grupo de buscas, esta terça-feira, a partir das 19h00, no Parque de Estacionamento do Pingo Doce de Loures.

A ajuda à Associação Chão dos Bichos pode ser feita através de uma linha solidária (760 50 10 24) e do NIB 0035 0365 00001058 230 09.

Ver comentários